quarta-feira, 23 de julho de 2008

Aniversário



Pois é, estou mesmo quase a fazer anos!!!
Ansiosa?? Nem por isso.
Já lá vai o tempo em que quase tinha um ataque de ansiedade à espera deste dia.
Recordo-me de marcar com um Xis os dias à medida que iam passando.
De fazer uma lista com tudo o que era preciso para a minha mega festa.
De fazer um desenho pormenorizado da mesa, e de marcar os lugares onde as pessoas se iam
sentar.
Curioso é que depois, ninguém se queria sentar no lugar marcado, o que me irritava profundamente, afinal era o meu dia, estavam em minha casa, eram meus convidados, iam comer a minha comida, do meu bolo de anos (quem não sabe, partilhar gulodices é uma tarefa difícil para mim), qual era o drama de se sentarem onde lhes era indicado??
Não percebia isso. E como não percebia, continuava a teimar:

"- O teu lugar é ali.
"-Quero ficar ao pé de fulana!"
"-Mas eu quero que te sentes ali, porque eu marquei ali, estás a ver aqui no papel?" e mostrava o papel.
Explicava que tinha organizado aquilo com meses de antecedência, mas poucas vezes era bem sucedida.

A maioria das vezes vinha a minha mãe ajudar,

"- Oh filha, deixa as tuas amigas sentarem-se onde querem! Não vais fazer uma cena pois NÃO???"

Claro que eu ainda tentava bater o pé, mas ela olhava-me de alto e ameaçava mandar-me para o quarto!...
E lá se ia a listinha dos lugares por água abaixo!

Penso que a minha mãe nunca percebeu porque que eu lhe entregava uma folha A4, com o orçamento da festa, que por sinal, era bastante bem elaborada e completa, até o preço dos guardanapos estava incluído...
Era apenas para poupar-lhe trabalho mãe.

Verdade seja dita, que esperava religiosamente pela minha festa para ser a estrela da noite, mas acabam sempre por ser os amiguinhos que iam lá a casa o centro das atenções!
'Tá mal, então vocês não sabem que Leão que é leão, gosta de ter as atenções centradas nele próprio??Ainda mais no seu dia de anos!!

O momento que mais gostava?
Tirando a parte do bolo e de apagar as velas, que acabavam por ser um sentimento de alegria e tristeza, afinal era mais um ano que passava, era sem duvida, aquele que até hoje mais gosto, mas que se vai tornando mais escasso, o de abrir as prendas!
Rasgar aqueles papeis todos giros,com aqueles laçarotes todos engraçados, que tirava previamente para guardar, vai-se lá entender se gostava mais da prenda se do laço, e descobrir o que escondia tanto papel!

Pior momento?
Descobrir que a prenda não era nada do que estava à espera, e em segundos, fazer uma cara de
felicidade suprema e agradecer com entusiasmo à pessoa em questão, tentando ao máximo, não denunciar a minha desilusão.

Anos mais tarde, trabalhava sempre nesse dia, é o que faz trabalhar nas férias de verão...
Odiava acordar, saber que fazia anos e ter que ir trabalhar, sendo logo um dos dias de mais movimento do ano.
Chegava a chorar a pensar nas festinhas de miúda...

Mesmo assim, o pessoal com quem trabalhava não se esquecia que a menina fazia anos, e sem eu desconfiar, ao final da noite, quando ia para ir embora, encontrava sempre a sala às escuras e alguém com um bolo de aniversario na minha direcção e toda gente a cantar os parabéns, e outro maluco qualquer com a garrafa do champanhe na mão, a gritar pelos copos!
Pensava, "fogo, mesmo com tanto trabalho não se esqueceram de mim!!"

Todos os anos, no dia do meu aniversario(e não só, claro), lembro de cada cara, de cada sorriso, de cada abraço, do carinho com que diziam,
"Cais sempre na mesma!Pensavas que nos tínhamos esquecido de ti? Não nos esquecemos que a nossa menina faz anos... "
"Pois não, não se esqueceram, eu é que pensava que sim..." dizia com os olhos cobertos de lágrimas.
"
Talvez para o ano a gente se esqueça..."
Contudo, no ano seguinte, lá vinham eles, com as mesmas caras os mesmos sorrisos com o mesmo carinho!

Houve alguém que disse, "não somos de onde nascemos, mas sim de onde fomos felizes".

Considero-me uma sortuda, sou de Pombal, sou da Praia da Vieira, sou de Pedrógão Grande e de mais sítios por onde ainda passarei!

A todos os meus amigos, a todos que me acolheram nos seus corações,
Obrigada!
Obrigada, por me darem o prazer e a honra de ter a vossa amizade, de ter o privilegio de conhecer as pessoas maravilhosas que são e, só por isso, me ajudarem a ser uma pessoa melhor!

Beijinhos
Elle*

P.S.- Só faço anos a 14 de Agosto. ainda faltam uns dias!;)


Etiquetas:

8 Comentários:

Blogger DivineGirl disse...

Ah pois é! Ainda me lembro dos teus 16 aninhos! Nosso primeiro verão na P. da Vieira e o tal bolo surpresa!
Quanto ao papá do meu filhote, ainda não tiveste o prazer de conhecer, mas se a oportunidade surgir...
Beijinhos!

23 de julho de 2008 às 19:08  
Blogger DivineGirl disse...

Ah pois é!
Ainda me lembro dos teus 16 aninhos e do bolo ao final da noite a surgir como que por magia! Isso no nosso primeiro verão na P. da Vieira!
Quanto ao papá do meu filhote, ainda não tiveste oportunidade de conhecer, mas se surgir a oportunidade...
Beijinhos!

23 de julho de 2008 às 19:10  
Blogger 'C. disse...

adorei este post, tão querido ! compreendo que seja dificil partilhar doces, multiplica isso por 10 e ve o que eu sinto (mesmo gulosa). pelo que vejo tens amigos e pessoas que, apesar de não se quererem sentar onde tu querias e planeavas há meses (LOL), são especiais, te acham especial e nunca se esquecem de ti, e tens sorte por isso :)

beijinhos

24 de julho de 2008 às 09:03  
Blogger Sorrisos em Alta disse...

Falares disso 1 mês antes... ainda bem que não estás ansiosa!!!

Nos anos que estás, que te acontece?
Começas a tremer a 15 de Agosto, a rezar para que chegue O dia???
;o)

24 de julho de 2008 às 23:26  
Blogger Elle disse...

Divinegirl,

16anos? Fogo nem me lembrava que fiz lá os 16anos.
Foi dos 16 aos 23 senão estou em erro!
Vivemos lá bons momentos...óbvio que também apanhamos com alguns maus, mas isso faz parte!!!
LOL,
Uma testemunha que comprova tudo o que disse assim como comecei a trabalhar muito cedo!!!!
Felicidades e tudo de bom para ti e para bebézito que ai vem!
Que corra tudo pelo melhor!
Beijos

25 de julho de 2008 às 00:04  
Blogger Elle disse...

C,

Por acaso tive sempre sorte com as pessoas que me rodeiam... por enquanto em Lx não é bem assim, apesar de haver pouco amigos lisboetas,são muito bons!
Como costumo dizer, os meus amigos de uma vida moram noutras paragens!
Beijocas

25 de julho de 2008 às 00:06  
Blogger Elle disse...

Sorrisos,

Falta menos de um mês!!!!!
Que queres, tenho um amigo que começa a fazer contagem decrescente e todos os dias diz "faltam tantos dias....", é de por uma pessoa à beira de ataque de pânico!

LOL

Por acaso no dia 13 tenho smp um ataque de nervos! Sim, pq faço anos a 14!!!!
No dia 15 é quando penso
"Porra é oficial, já sou um ano e um dia mais velha... "
este ano custa-me mais pq é um numero que representa mais responsabilidade e as pessoas esperam que eu seja uma pessoa mais adulta e eu não tou com ideias disso, lol, na brinca!

25 de julho de 2008 às 00:12  
Blogger Elle disse...

Sorrisos,

imagina tu se estivesse ansiosa!!!
Beijos

25 de julho de 2008 às 00:13  

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

Hiperligações para esta mensagem:

Criar uma hiperligação

<< Página inicial